• Inside Arquitetura&Design

TIE-DYE: COMO ESSA TENDÊNCIA VEM GANHANDO O MUNDO DA DECORAÇÃO

Atualizado: Ago 27


Muito comentada nos últimos meses nas redes sociais, essa técnica milenar de tingimento de tecido vem ganhando espaço não apenas no mundo da moda, mas também da decoração.


Desenvolvida no Japão no século VI, conhecida como Shibori, a técnica era utilizada também, na mesma época, pelos africanos e indianos com o nome de Bandhani. O nome que conhecemos hoje – Tie-Dye (amarrar e tingir, em inglês) surgiu nas décadas de 60 e 70, juntamente com os movimentos Hippies que adaptavam diversas peças de roupa para os Festivais Norte Americanos. Na época, seu status era um ícone estético que representava a liberdade.


Reassumida pelos clubbers na década de 90, a mistura psicodélica e a riqueza das cores retratavam bem seu estilo de vida noturna, mas o valor real das peças estava inteiramente ligado ao resgate das roupas.

Atualmente, a demanda por itens personalizados resgatou diversas técnicas e ressurge como forte tendência até mesmo na decoração, podendo ser aplicado em paredes, móveis e objetos decorativos, dando um toque original e despojado ao ambiente. E, diferente do que se pensa, as peças com essa proposta não tornam o ambiente “hippie”, mas sim com uma leveza da atmosfera de paz e amor deste movimento.


Nestas imagens conseguimos ver os variados tipos de dobras e amarrações, feitas com barbante ou elástico, fazendo com que a tinta torne as manchas super diferentes, gerando infinitas possibilidades de estampas.

Fonte: Pinterest



Confira abaixo algumas dicas para incorporá-las na decoração de sua casa:



1. Tapeçaria

No tie-dye, os tapetes ganham desenhos singulares, com degradê de cores e sutis imperfeições.

Fonte: Pinterest

2. Almofadas

Peças versáteis e de baixo investimento para a decoração, elas são perfeitas para inserir cores e formas em ambientes mais neutros. Com o tie-dye, é possível brincar com diversas composições e estampas.

Fonte: Pinterest



3. Roupas de Cama

Se a ideia é renovar o quarto, aposte na técnica para tingir os lençóis, colchas e fronhas. Você pode soltar sua criatividade para resgatar aquela roupa de cama que já está velhinha e sem graça, transformando-as em peças cheias de vida e movimento.

Fonte: Pinterest


4. Cortinas

Capazes de transformar um ambiente, são também essenciais para vestir as janelas, controlar a luminosidade e garantir a privacidade ao ambiente. Nestes exemplos foram usadas a técnica ombré, que consiste em mergulhar somente a ponta do tecido na tinta, e deixar a cor subir naturalmente.

Fonte: Pinterest



5. Móveis

Esse ANTES E DEPOIS é a prova de que qualquer peça pode ser reaproveitada e ganhar uma nova roupagem com o tie-dye. O sofá que era neutro ganhou muito mais vida com a aplicação das novas cores!

Fonte: Pinterest



6. Parede

Tanto em papéis de parede como em telas e quadros, o tie dye dá um ar descontraído para quaisquer composições, além de se destacar e criar uma identidade ao ambiente.

Fonte: Pinterest

7. Mesa

Peças pequenas e fáceis de transformar, os jogos de mesa e guardanapos podem inovar e dar um ar mais leve e informal à composição da mesa.




E aí? Estão prontos para colocar as mãos na massa (ou melhor...tintas, rs) e transformar algumas peças da sua casa?



Matéria: Claudia Giancoli - Inside Arquitetura & Design



33 visualizações

STUDIO  Avenida Nazaré, 1139 - Cj. 1201 (12º andar) • Ipiranga - São Paulo/SP • CEP 04263-100
LAB 01 - Vila Olimpia - São Paulo/SP  |  LAB 02 - Indaiatuba/SP

Telefone: (11) 2063.1477 • (11) 2062.8662   |   Whatsapp: (11) 9.5658.9622 

ola@insidearquitetura.com.br

 ®2019 GRUPO INSIDE. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube
  • Pinterest
  • Houzz