• Inside Arquitetura&Design

PSICOLOGIA DAS CORES: COMO O USO DELAS INFLUENCIAM EM NOSSAS EMOÇÕES?


Fim de ano de chegando e surgiu aquela vontade de dar uma repaginada no lar? Por que não dar um novo retoque nas cores dos cômodos? Por isso, no post de hoje, iremos explicar como elas têm a capacidade de influenciar em nosso comportamento e de ajudar a transmitir boas energias, vamos lá?


Desde os primórdios da civilização humana, as cores sempre foram onipresentes, sejam na natureza, nas paredes das cavernas ou na cultura de cada povo. Cada uma delas causam um efeito no nosso comportamento, tudo isso de forma inconsciente, através de ondas eletromagnéticas refletidas pela luz. Dependendo da tonalidade, cada pessoa pode reagir com um sentimento de indiferença, repulsa ou aceitação, por isso, é muito importante entender o conceito de cada uma, confira a seguir!



Resumidamente, as cores frias – verde e azul, por exemplo – transmitem a ideia de tranquilidade e calmaria, e são mais interessantes em ambientes de repouso e de atividades que exijam mais concentração.


Já as cores quentes, como o vermelho e o amarelo, estão relacionadas mais a comunicação e remete a ideia de estímulo, calor e descontração. São ideais para atividades de trabalho manual e ambientes sociais, por exemplo.

Fonte: Acervo Inside




VERMELHO


A cor da força, o vermelho é o símbolo do sangue, da vida, é, por si só, uma cor quente que transmite emoções fortes no ser humano, como amor, alegria, coragem, energia, raiva e perigo. Por colaborar no aumento do apetite, pode ser interessante aplicar essa cor em ambientes como cozinha e salas.


Vale lembrar que é preciso também ter cautela, já que o vermelho é muito estimulante. Tentar evitá-la em ambientes mais serenos, como os dormitórios, é uma boa.

Fonte: Acervo Inside



AZUL


O azul é o símbolo da imensidão do céu e dos oceanos, é uma cor positiva que traz o sentimento de paciência, paz, ingenuidade, cura e confiança. Ela nos remete a profundidade e tem a capacidade de ser uma cor que ajuda a ampliar os espaços visualmente e a trazer sensação de calma e tranquilidade através da ideia do infinito.


Ideal para ambientes mais calmos e de descanso, como dormitórios de crianças, salas de estudo e meditação. Se usada em excesso, pode transmitir a sensação de angústia e frieza, portanto, equilíbrio é o segredo!

Fonte: Acervo Inside



AMARELO


Considerada a mais feliz de todas as cores, traz referência ao sol e ao ouro metal, transmitindo a sensação de prestígio, progresso, verdade e dignidade. É a cor característica da primavera.


Por ser uma cor que remete a criatividade é ideal para ser usada em quartos de adolescentes, salas e cozinhas. Porém, se você quer um ambiente que traga mais seriedade e estabilidade, talvez não seja tão interessante o uso desta.

Fonte: Acervo Inside




VERDE


É a cor da natureza, do frescor e da renovação da vida. É o verde que dá início, da afirmação de que tudo está bem, do sentimento de esperança, saúde e vitalidade. Ela provoca um efeito de relaxamento no ser humano e traz equilíbrio emocional por ser a junção do azul com o amarelo.


Por transmitir também conforto, é ideal para quase todos os ambientes sociais e íntimos, como salas, cozinhas, varandas e dormitórios.

Fonte: Acervo Inside




LARANJA


É uma cor quente que evoca a ideia do fogo da lareira, cor do outono, da terra e da madeira. Assim como o amarelo, estimula a comunicação e o lado racional do cérebro.


É ideal para ambientes de trabalho, como home office também, pois traz o sentimento de sucesso e prosperidade, além da sensação de aconchego da madeira, por exemplo. Em ambientes de lazer não é muito recomendado o uso desta cor.

Fonte: Acervo Inside




CINZA E PRETO


Cinza, a união entre o preto e o branco, do equilíbrio. Lembra a cor do concreto, do cimento e das grandes cidades, remete a cor dos negócios e do trabalho.


O preto transmite a ausência de luz, simboliza a noite e o inverno. É uma cor que traz o sentimento de força, combinando mistério com poder criando um contraste entre as demais cores, passando uma sensação de elegância, respeito e sofisticação. Podem ser utilizadas em praticamente todos os cômodos, através da combinação entre tons ou não.

Fonte: Acervo Inside




BRANCO


É a cor absoluta, que agrega todas as demais cores. Transmite paz, pureza e simplicidade. É uma cor relativa, pois traz a ideia de uma tela em branco que fica suscetível a qualquer pintura.


Ideal para trazer sensação de amplitude e clareza nos espaços. Um aspecto negativo é a combinação dela com cores muito quentes, pois o contraste pode ficar muito forte, dependendo do tom da cor.

Fonte: Acervo Inside



E depois de todas essas definições, deu aquela vontade de dar um up no seu lar? Conte com a gente que iremos te ajudar a definir quais as melhores cores que combinam com o seu estilo e ambiente da sua casa ou apê, bora lá?



Fique por dentro de todas as novidades no nosso blog e até a próxima!


Matéria: Patricia Coelho - Inside Arquitetura & Design.

30 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo